Mais lidas

Empreendedorismo

Post Page Advertisement [Top]

Você já imaginou o mundo sem internet? O que isso iria acarretar na sua vida se ela simplesmente não existisse mais? Como seria seu o seu cotidiano e de seus familiares sem a web?



Nós necessitamos da rede mundial de computadores. Não importa onde você vive - Megalópole, metrópole ou uma simples cidade; se você usa para trabalhar ou apenas para se divertir, o fato é que a internet faz parte das nossas vidas, do nosso dia a dia, da nossa convivência familiar.  

Dados indicam que, no Brasil 116 milhões de pessoas estão conectadas à internet, segundo diz IBGE em pesquisa de 2016. Fonte G1.

Mas a pesquisa relata acesso à internet em domicílios, porém se formos analisar no contexto geral, muitas pessoas usufruem da internet às vezes sem saber.

A maioria da população utiliza serviços básicos como serviços de saúde. Muitos desses serviços necessitam de equipamentos com acesso à internet para realizar certas operações. Essa é uma forma de usufruir dos recursos que a web proporciona, mesmo que indiretamente.

Nesse sentido, se a pesquisa fosse para saber a porcentagem da população do Brasil que necessita utilizar algum meio com acesso à internet no seu cotidiano, certamente esse número seria bem maior.

Quem nunca enviou uma mensagem para a mãe avisando para onde foi e a hora que retorna para casa? 

Sua mãe pode não ter um celular, mas alguém da sua família tem e se você está pensando quem seja essa pessoa, com certeza é você e talvez já tenha mandado um recado para a mãe de um amigo.





Entretanto a rede mundial de computadores faz parte das nossas vidas e não só no âmbito familiar.

Certamente quando você usa as redes sociais ou algum site já viu alguma propaganda referente a algum produto que você gosta tanto e queria comprar ou que pesquisou na internet em algum momento, e isso não é por acaso. 

É uma forma de oferecer a você produtos que são de seu interesse e lhe familiarizar com a marca do produto que está sendo exposto.  

Ou seja, percebemos também que as empresas necessitam da world wide web para propagar seus produtos e muitos blogueiros precisam da internet para trabalhar através desses propagação de anúncios.

E isso é uma propaganda bem apropriada, uma vez que divulgando produtos em Sites ou em canais do Youtube que aborda assuntos relacionados aos produtos, é uma divulgação segmentada e muito propícia a dar certo, pois as pessoas que acessam esses conteúdos estão interessadas no que o propagador ou escritor tem a dizer.

Dessa forma haverá uma gama maior pessoas que irá ver, se interessar e comprar o produto, justamente por que o anunciante foi lugar certo, acertou na mosca no sentido publicitário.



Nesse sentido, podemos perceber como a internet é importante para a vida empresarial, e sem ela dificultaria a propagação de anúncios para muitas empresas.

Ok, a televisão ainda é um meio muito eficaz de divulgação, porém muito caro para muitas empresas. 

No Brasil, 99% dos estabelecimentos são micro e pequenas empresas (MPE) (SEBRAE) e provavelmente não teriam condições de bancar um anúncio em grandes emissoras, mesmo que seja por pouquíssimo tempo. 

Sem falar que muitas vezes o público-alvo dessas empresas não assiste TV o que fica inviável utilizar esse meio para a publicidade, pois não irá ofertar o produto para os possíveis compradores.



Mas mesmo assim, perceba que, nos próprios comerciais de TV há anunciantes que divulgam seus aplicativos ou sites e dentro destes os conteúdos são expostos para serem comprados. 

Por exemplo, você já ouviu um comercial pedindo para o cliente comprar um produto pelo site e retirar na loja?

Pois é, isso facilita o sistema da empresa e viabiliza a entrega do produto para o cliente.

E certamente a comercialização desse produto deverá ocorrer pela internet.

Além disso, as empresas devem utilizar a rede mundial visando uma aproximação com público por meio das redes sociais. Essa aproximação é primordial para o cliente saber que pode contar com a empresa e facilitar a comunicação entre ambos.

E a net está aí pra isso.

Resumindo : A internet é um bem que interessa a todos!



Óbvio que não há só a parte boa. Melhor dizendo não há só pessoas boas na internet.

Pois gosto muito de pensar que tudo o que foi criado veio para o bem, mas como o ser humano tem a capacidade de transformar o que é do bem para o mal, muitos utilizam o que foi criado para espalhar o mal por aí

E a rede mundial de computadores é um lugar muito conveniente para propagar o bem, como já vimos, ou para o mal, se pensarmos que mais da metade da população está conectada.

Mas no mesmo sentido, podemos perceber que é possível combater essas pessoas que utilizam a internet de maneira equivocada usando-a para o mal. 

Policiais, agentes e outros defensores da lei utilizam softwares que são aplicativos ou sistemas virtuais, para tentar barrar e combater esses malfeitores. Muitos desses softwares, ou quase todos, utilizam conexão à web para tal ação.

Mais um benefício da “Grande Rede”.



Imagine: se nada disso existisse mais? 

Agora pense se na sua vida sem a internet para postar fotos nas redes sociais para familiares ou apenas por curtição, sejam fotos de sua pessoa ou apenas paisagens de lugares que visitou.

Como seria?

Vejamos pelo um lado mais afetivo. Como seria sua ligação com seus familiares?

Imagine você viajou para um lugar diferente de onde moram seus pais e precisa passar um bom tempo longe de sua família. Para quem é universitário é fácil de imaginar.

Pense: como você iria se comunicar com sua família e tentar pelo menos diminuir um pouco a saudade que aperta o peito e todo o corpo?

Como você iria tentar amenizar o sentimento que por muitas vezes faz descer gotas de lágrimas dos olhos e faz você pensar em deixar tudo pra lá?

Pensando assim, podemos ver o quanto a rede mundial de computadores é de grande importância para todos nós!



E respondendo a pergunta que iniciou o artigo: atualmente não seria possível, ou pelo menos muito difícil, viver, no mais amplo sentido da palavra, sem a internet. 

Pois como foi dito, mesmo as pessoas que não possuem conexão com a rede em casa, necessita de algum equipamento que precisa da conexão com a rede para ter acesso a serviços essenciais.

E isso só reforça tudo o que foi relatado.

Portanto, considerando esses aspectos somos dependentes da internet, mas não significa dizer que isso é necessariamente ruim, pois vimos que a “Grande Rede” é muito útil nas mais diversas atividades do dia a dia. 

Dessa forma, o melhor a se fazer é aderir a essa grande revolução que aproximou as pessoas, influenciou os clientes e permite combater o mal existente. 

A internet está para todos e é fácil adotar na vida de cada um e se afiliar em benefício próprio.

Compartilhe!



 Siga-nos

Nenhum comentário:

Postar um comentário




Instagram


@visao_livre